logo
Century21 Portugal


A Secretária de Estado da Habitação, Marina Gonçalves, afirmou que o Governo pretende aumentar o parque público habitacional dos actuais 2% para 5% nos próximos anos, com o objectivo de se aproximar progressivamente da média europeia.

“Temos um objetivo que é aumentar de 2 para 5% [o parque habitacional público], um objectivo de curto prazo para depois ir reforçando. Quando comparamos com países como a Holanda”, que tem um parque habitacional público entre os 20% e os 30%, “percebemos o quão atrás estamos”, revelou a secretária de Estado da Habitação, depois de ter presidido à cerimónia de homologação do acordo de colaboração entre o IHRU – Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana e a Câmara da Moita, que prevê a construção e reabilitação de 334 fogos neste concelho.

“Temos que olhar para aquilo que é a média da Europa. E o nosso objetivo a médio prazo deve ser precisamente esse, de ir robustecendo o parque habitacional público dos 2% para os 5% e depois continuar a partir daí”, acrescentou Marina Gonçalves, considerando que depois da falta de prioridade que foi sendo dada à Habitação nos últimos anos, esse trabalho vai demorar décadas.

O acordo de colaboração entre o IHRU e a Câmara da Moita, que prevê a construção e reabilitação de 334 fogos neste concelho, prevê um investimento global de 30 milhões de euros, no âmbito do Programa de Apoio ao Acesso à Habitação, 1.º Direito, que visa apoiar a promoção de soluções habitacionais para pessoas que vivem em condições habitacionais indignas.

joaobandarra@mixandblend.net'

Deixe um comentário

*

captcha *

governo-quer-aumentar-parque-habitacional-pblico-para-5-blog-century21