logo
Century21 Portugal


Os preços das casas aumentaram 4,9% em Lisboa no 2º trimestre de 2021 face ao trimestre anterior. Tal subida sucede à variação trimestral de -0,3% observada no 1º trimestre e coloca a capital de novo a alinhar com a dinâmica de valorização da restante Área Metropolitana de Lisboa.

De acordo com os mais recentes resultados do Índice de Preços Residenciais da Confidencial Imobiliário, para o cômputo da região, apurou-se uma variação trimestral média dos preços no patamar de 5,6% no 2º trimestre, igualmente em forte intensificação face aos 1,5% observados no 1º trimestre.

A aceleração na variação trimestral foi uma realidade transversal à região, intensificando-se a subida de preços em todos os mercados da AM Lisboa sem excepção. Os dados reflectem Estes índices acompanham a evolução dos preços efectivos de venda, apurados a partir das transações reportadas ao SIR-Sistema de Informação Residencial. Além do índice apurado para o agregado nacional, estão disponíveis índices de âmbito concelhio.

O Porto também intensificou a subida de preços, mas mantém-se como o mercado que menos valoriza na respectiva Área Metropolitana, apurando-se uma subida trimestral de 1,8% no 2º trimestre. No trimestre anterior, este indicador tinha ficado em 0,6%.  Na Área Metropolitana do Porto, o 2º trimestre trouxe igualmente uma aceleração da valorização trimestral a todos os mercados, embora, em geral, com intensificações menos acentuadas do que na AM Lisboa. Assim, de uma valorização média de 1,8% apurada para a região no 1º trimestre de 2021, evoluiu-se para uma de 4,2% no 2º trimestre.

O preço médio de venda da habitação no 2º trimestre ascendeu a 3.833 euros/m2 em Lisboa e a 2.506 euros/m2 no Porto, conforme os dados do SIR-Sistema de Informação Residencial.

joaobandarra@mixandblend.net'

Deixe um comentário

*

captcha *

comprar-casa-em-lisboa-foi-mais-caro-4-8-no-segundo-trimestre-blog-century21