logo
Century21 Portugal


Segundo o Instituto Nacional de Estatística (INE), a taxa média de juro implícita dos contratos de crédito à habitação atingiu em Abril o máximo desde Novembro de 2016, subindo para 1,031%.

Esta foi a maior subida ocorrida este ano, só ultrapassada por um aumento em Novembro de 2016, quando a taxa média atingiu 1,032%, e acontece pelo segundo mês consecutivo, tendo em Março a taxa subido para 1,025%.

Para o destino de financiamento aquisição de habitação, o mais relevante no crédito à habitação, a taxa de juro implícita para o total dos contratos foi 1,053%, mas nos contratos celebrados nos últimos três meses, a taxa de juro para aquele destino de financiamento passou de 1,556% em Março para 1,557% em Abril.

Considerando a totalidade dos contratos, o valor médio da prestação vencida subiu um euro, fixando-se em 240 euros, mas nos contratos celebrados nos últimos três meses, o valor médio da prestação aumentou dois euros em Abril, atingindo os 326 euros.

Em Abril, o capital médio em dívida para a totalidade dos contratos aumentou 47 euros face ao mês anterior, fixando-se em 51.817 euros, mas para os contratos celebrados nos últimos três meses, o montante médio do capital em dívida subiu 430 euros para 97.727 euros.

 

 

► VENDA COM A CENTURY 21 Portugal:
Venda a sua casa connosco aqui: http://vender.century21.pt

► TRABALHE NA CENTURY 21 Portugal:
Seja um consultor imobiliário aqui: http://recrutamento.century21.pt
Veja as oportunidades de carreira aqui: http://bit.ly/2jHbLJu

► FAÇA PARTE DA CENTURY 21 Portugal:
Seja um franchisado aqui: http://franchising.century21.pt

► DESCARREGUE A NOSSA APLICAÇÃO MOBILE EM:
https://www.century21app.pt

joaobandarra@mixandblend.net'

Deixe um comentário

*

captcha *

taxa-de-juro-no-crdito-habitao-em-mximo-desde-novembro-de-2016-blog-century21