logo
Century21 Portugal


No total são 684 milhões de euros que estão já em desenvolvimento e em ‘pipeline’ no âmbito do investimento em projectos ao abrigo do Instrumento Financeiro para a Reabilitação e Revitalização Urbana (IFRRU 2020), tendo atingido os 184 milhões de euros num ano e em análise planos no valor de 500 milhões.

“Há uma procura muito grande e isso é um sinal muito positivo para a construção das cidades”, avançou o ministro do Ambiente e da Transição Energética, João Pedro Matos Fernandes, que falava aos jornalistas após uma sessão de balanço sobre o primeiro ano do IFRRU 2020, que decorreu em Vila Nova de Gaia, distrito do Porto.

De acordo com o ministro, foram aprovados 42 projectos, o que corresponde a 184 milhões de euros, e estão em fase de ‘pipeline’ projectos no valor de 500 milhões de euros.

Numa nota distribuída à imprensa, o Governo dá conta de que as candidaturas aprovadas são de 15 concelhos (Águeda, Lousã, Silves, Aveiro, Trofa, Braga, Odemira, Matosinhos, Vila Nova de Gaia, Porto, Coimbra, Lisboa, Elvas, Faro e Funchal), sendo que 25 projectos têm como finalidade a actividade económica, 14 a habitação, dois a área social e um a utilização colectiva.

O IFFRU 2020 é um instrumento financeiro criado pelo Ministério do Ambiente e da Transição Energética, no âmbito do Portugal 2020, e integrado na Nova Geração de Políticas de Habitação.

O Ministério do Ambiente descreve este instrumento como “o maior programa de incentivo à reabilitação urbana”, avançando que “tem capacidade de financiamento de 1.400 milhões de euros, gerando um investimento de cerca de 2.000 milhões”.

joaobandarra@mixandblend.net'

Deixe um comentário

*

captcha *

684-milhes-de-euros-em-projectos-para-reabilitao-blog-century21